Uso de tecnologia a favor da saúde antecipa o futuro em clínicas de BH

No cinema, a medicina no futuro é usada para prolongar vidas e criar seres imortais. Quem assistiu ao filme Elysium deve lembrar-se da cena da câmara biomédica na Estação Espacial da produção futurista. Um único botão era capaz de escanear todo o corpo do paciente, analisar os problemas e reparar os erros através da engenharia genética. Tempos depois, outro filme Transcendence – a revolução discute a inteligência artificial autoconsciênte. Na trama, é feito o upload da mente do Dr. Will Caster (Johnny Depp) para um supercomputador. Com acesso a todas informações na internet, o cientista se torna ‘Deus’ e, através do uso de tecnologia avançada, nanorobótica, e uso de células-tronco, passa a curar qualquer enfermidade, até mesmo, ressuscitar pessoas.

Estamos muito longe desta revolução tecnológica, mas o futuro pode ser visto na clínica do Dr Paulo Coelho Andrade, em Belo Horizonte. Eleita e certificada entre as dez melhores clínicas odontológicas do Brasil pelo grupo Alemão Dentsply Sirona, ela está instalada na avenida Bandeirantes desde o ano de 1995. Ao longo dos anos, o mestre em implantodontia investiu pesado em equipamentos de última geração que pudessem auxiliá-lo e agilizar o tempo de tratamento dos pacientes. Há cinco anos, a clínica adquiriu o equipamento Cerec Omnicam da empresa alemã Sirona – líder de tecnologia no mercado odontológico.”Fui um dos primeiros em Minas Gerais no uso do Cerec CAD/CAM que consiste no escaneamento e confecção de uma peça de porcelana em 3D. As vantagens são muitas: tudo é feito aqui na própria clínica. O processo é muito curto, em questão de minutos, uma coroa dentária, ponte ou uma faceta é esculpida. A qualidade final é infinitamente superior, não há distorção e nem de material e, o paciente, não perde muito tempo pela conclusão do tratamento. Diferente da técnica tradicional onde é feito um molde, depois a confecção da peça em um laboratório fora da clínica. O tempo de espera, nestes casos, pode durar dias”, conclui.

Da mesma empresa alemã, Dr Paulo Coelho Andrade trabalha com o tomógrafo Galileos computadorizado. “A qualidade da imagem tridimensional é incomparável. O aparelho é preciso ao registrar nitidamente toda face do paciente. Com o tomógrafo é possível avaliar se há perda óssea, existência de cáries, infecções, além da localização dos nervos. Antes de executar qualquer procedimento clínico, principalmente nos tratamentos de implantes dentários, tenho uma visão geral da boca do paciente e consigo definir o tamanho exato do pino que será utilizado”.

Outro destaque na clínica que nos faz lembrar da série Star Trek é o refletor iLed 3 Trumpf Medizin. Montado no bloco cirúrgico, ele projeta uma luz uniforme, com ausência de sombras, sobre a cadeira do paciente. E para aquelas pessoas que têm pânico de sentar numa cadeira de dentista, a clínica disponibiliza a sedação monitorada por computador, oxigênio central, oxímetro de pulso alemão e cardioscópio norte-americano, feita sob supervisão de um médico anestesiologista. “Estão surgindo no mercado novas turbinas mais silenciosas como as alemãs e austríacas. Disponibilizamos a sedação como opção para quem tem fobia a um tratamento dentário. Quando o paciente acorda, todo o procedimento foi concluído”, orienta Dr Paulo.

Fonte: EM – Big i.dea

Comentários

Deixe aqui alguma dúvida ou comentários que deseja enviar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem comentários.